A Anatel proibiu as empresas de aplicarem o novo estilo de internet no Brasil, mas nem tudo é festa, isso por que a Anatel exigiu remodelação nos planos das empresas e também segundo um documento publicado pelo Diário Oficial da União, ela deseja uma ferramenta que permita o usuário ficar informando sobre o seu consumido de dados, avisando o consumidor quando sua franquia está prestes a acabar.
internet.1

As empresas que desejarem aplicar a franquia de internet terão que fazer uma pesquisa com seus clientes e criar planos que se adequem a maioria e tudo tem que ser aprovado pela Anatel, que não é contra a aplicação do modelo.

As empresas não poderão reduzir a velocidade, suspensão de serviço ou cobrança de tráfego após o término da franquia. Claro, NET, Vivo, Tim, Oi, Algar dentre outras já foram notificadas pela Anatel e terão que se adaptar as normas da Agência Nacional de Telecomunicações, e somente depois de todas as mudanças é que poderão colocar em prática.

Caso ainda não saiba o que pode acontecer se for aplicado o modelo de franquia, veja nosso artigo sobre essa Limitação de Internet.

7 COMENTÁRIOS

  1. Isto é problema de ordem política, econômica calculista. Exproração estorquir de forma desrespeitosa o povo brasileiro!!! O A nação não pode conir continuar ditando de desonesta e injusta o O POVO BRASILEIRO!!

  2. Cara, que texto mal escrito. Tantos erros de concordância e falta de clareza na informação.
    Até agora não consegui entender o que aconteceu. Vou ter que pesquisar em outra página.

    Espero que absorva essa crítica de forma positiva.

Deixe uma resposta