Apple recua no mercado de tablets

A atual líder do mercado de tablets Apple teve um leve recuo na participação de mercado. A companhia da maçã que chegou a ter participação de 65,5% no 2º trimestre de 2012, fechou o 3º trimestre com 50,4%. No mesmo período do ano passado a Apple detinha 59,7%.

O mercado, como um todo, teve um crescimento de 49,5% em comparação ao mesmo período do ano passado(3Q 11). Isso quer dizer que mesmo com a queda de participação, os números de aparelhos vendidos ainda é maior. Quem aproveitou este recuo da Apple foram fabricantes como a Samsung, Amazon e a Asus.

Fabricante 3Q12 % de participação 3Q11 % de participação % de crescimento
Apple 50,4% 59,7% 26,1%
Samsung 18,4% 6,5% 325%
Amazon 9%
Asus 8,6% 3,8% 242,9%
Lenovo 1,4% 1,1% 100%
Demais fabricantes 12,2% 28,9% -38,9%
Total 100% 100% 49,5%

A Samsung com a sua grande diversidade de aparelhos, diversos tamanhos de telas e grande variação de cores disponíveis, foi a que mais abocanhou a fatia e está atrás da maçã com 18,4%  de participação, em comparação aos 6,5% de 2011 (3Q 11). Destaque especial para aparelhos como o Galaxy Note 10,1” e para o Nexus Tablet 10, feito em parceria com a Google. Este último, apesar de não ter sido lançado ainda, será um forte concorrente para o iPad.

A Amazon, que não tinha produto concorrente no mercado no 3º trimestre de 2011, detém 9,0% de particpação com o Kindle Fire HD de 8,9” e de 7”. Um detalhe importante é que mesmo detendo 9% de participação do mercado mundial, atualmente os aparelhos da Amazon são vendidos apenas no território americano. A companhia pretende expandir os negócios para mais 5 países no 4º trimestre de 2012.

Logo em seguida temos a Asus com 8,6% de participação, em relação aos 3,8% do mesmo período do ano passado (3Q 2011). Boa parte do crescimento da Asus é devido ao Nexus 7 Tablet, feito em parceria com a Google.

Por último, temos a chinesa Lenovo com 1,4% de participação no mercado de tablets, em comparação a 1,1% em 2011. O crescimento da Lenovo se dá principalmente pelo grande volume de unidades vendidas dentro da China.

Quem está contente com este resultado é a Google, dona do sistema operacional Android. A pressão sobre a Apple está aumentando cada vez mais, e com o lançamentos dos tablets com Windows 8 e RT, o consumidor terá uma 3ª opção de plataforma para escolher. Contudo, neste mercado ainda predomina o fator preço, e ao que tudo indica, os dispositivos com Windows 8 e RT serão comercializados a partir de $ 500. A Microsoft e parceiros terão uma jornada difícil devido ao preço elevado dos aparelhos.

Fonte: IDC 

Deixe uma resposta

Fechar
Fechar