A partir de amanhã (9), a Anatel começará a bloquear celulares piratas no Brasil, começando pelo Distrito Federal e Goiás. Nesta terça, os aparelhos afetados já estão recebendo um SMS com o seguinte aviso: “operadora avisa: este celular IMEI XXXXXXXXXXXXXXX é irregular e deixará de funcionar nas redes celulares”.

Esse processo da Anatel começou em 22 de fevereiro. Celulares piratas habilitados após essa data, passaram a receber um SMS alertando sobre o bloqueio em até 75 dias, ou seja, o prazo termina amanhã. Lembrando que aparelhos irregulares habitados antes de 22 de fevereiro não sofrerão com o bloqueio, ao menos que mudem de número.

VEJA TAMBÉM

A iniciativa da Anatel fez com que muitos brasileiros que compraram smartphones da Xiaomi, HTC e outras marcas que não atuam no Brasil, ficassem apreensivos. Mas calma, o bloqueio não afetará aparelhos dessas empresas, afinal, elas são reconhecidos pela Anatel devido a certificação de outros países.

Um celular pirata não possui IMEI registrado no GSMA, a associação global de operadoras. Por isso, esses modelos serão afetados pelo bloqueio. Saiba quais estados seguirão o cronograma da Anatel nos próximos meses:

  • Acre, Rondônia, São Paulo, Tocantins, região Sul e demais estados da região Centro-Oeste: os celulares piratas começarão a ser notificados a partir de 23 de setembro, e o bloqueio começará a partir de 8 de dezembro.
  • Nordeste e demais estados das regiões Norte e Sudeste: as notificações iniciam 7 de janeiro de 2019, enquanto o bloqueio começará em 24 de março do mesmo ano.

Deixe uma resposta