Com os dias contados: Anatel inicia bloqueio de celulares piratas no Brasil

A Anatel começou ontem (22) o bloqueio de celulares piratas no Brasil, como foi prometido desde 2012. Os estados do Distrito Federal e Goiás são os primeiros a receberem a determinação. A partir de agora, ao serem ativados, os dispositivos irregulares receberão um SMS que diz: “operadora avisa: este celular de IMEI XXXXXXXXXXXXXXX é irregular e deixará de funcionar nas redes celulares”.

No entanto, o bloqueio só funcionará em aparelhos ativados a partir do dia 22, ou seja, dispositivos mais antigos não serão afetados. Após receber o SMS, o celular será bloqueado em até 75 dias. Estados como São Paulo, Acre, Rondônia e Tocantins, bem como a região centro-oeste e sul, receberão a notificação a partir de 23 de setembro, com os celulares bloqueados em 8 de dezembro.

Imagem: Dm

Agora, nas regiões norte, sudeste e nordeste, a mensagem começará a ser enviada em 7 de janeiro de 2019, e a partir de 24 de março do mesmo ano, os dispositivos começarão a ser bloqueados. Além do fato de que esses aparelhos são de baixa qualidade, a Anatel afirma que eles podem ser prejudiciais a saúde. Em testes feitos pelo órgão, esses dispositivos apresentam uma grande quantidade de chumbo e cádmio.

Smartphones falsificados da Samsung são vendidos em várias lojas do Brasil
Imagem: iG Tecnologia

Mas fica a questão: como saber se o celular é pirata? Segundo a Anatel, dispositivos falsificados não possuem IMEI registrados no GSMA, organização mundial que registra aparelhos de diversas fabricantes. Em resumo, mesmo que o smartphone não seja vendido oficialmente no Brasil, mas seja de marcas conhecidas como, por exemplo, Xiaomi, Huawei e Meizu, eles não sofrem com o bloqueio. Para conferir o IMEI de seu aparelho, basta discar *#06#.

Via
OlharDigital

Você vai gostar

2 Comentários

  1. Esperar que isso seja a solução é acreditar que Gilberto Kassab seja um bom ministro. Pelo contrario depois que ele entrou no setor de comunicações só piorou a situação que já estava caótica, Anatel nunca fez nada que seja no mínimo sensato. Pode acreditar que isso não vai resolver o problema, apenas dificultar por um tempinho, porque ate em casa se consegue mudar o IMEI de um celular, inclusive clonando de um que seja com selo Anatel. Só vai dar dor de cabeça para o celular idôneo. Isso é Brasil, tapar o sol com a peneira

Deixe uma resposta

Fechar
Fechar