Há 16 anos nascia o primeiro iPod da Apple

Quem não gosta de música não é mesmo? Hoje em dia, milhares de pessoas ouvem suas canções preferidas de uma forma simples e rápida. Serviços como Spotify, Apple Music, Deezer e tantos outros, disponibilizam um catológo imenso de músicas para você escutar a qualquer momento sem precisar “entupir” a memória de seu smartphone ou tablet.

Mas 16 anos atrás, as coisas não eram tão simples. Os telefones celulares não tinham uma boa estrutura para fazer download de conteúdo de mídia como fazemos hoje, e baixar músicas no computador para só assim transferir para um dispositivo móvel era bastante comum.

A Apple não foi a primeira gigante a lançar um leitor de músicas portátil, mas sem dúvida, foi a primeira a tornar isso popular. E há exatamente 16 anos atrás, a empresa anunciava ao mundo seu primeiro iPod, mais especificamente em 23 de outubro de 2001.

Reprodução: TecMundo

Steves Jobs comandou a apresentação do produto, que foi aclamado pelo público presente. O iPod original chegou como um gadget compacto com a promessa de armazenar até mil músicas. Hoje em dia, esse número é relativamente pequeno, mas em 2001, foi uma façanha.

O iPod trazia uma memória interna de 5GB com tela de 1,8 polegadas e 5,08 mm de espessura. Para transferência de dados, o dispositivo tinha uma porta FireWire na parte superior, que era capaz de entregar uma velocidade de transferência bem acima de seus concorrentes da época.

Segundo Jobs, um CD completo poderia ser enviado em 10 segundos, algo que no USB normal levaria até 30 vezes esse tempo. E para chamar á atenção do público, o primeiro iPod apresentou uma “roda” de rolagem única, que permitia uma fácil navegação fácil pela biblioteca.

De modo geral, o iPod foi uma grande inovação (e por que não uma das maiores) da Apple, assim como o primeiro iPhone lançado em 2007. Em 2017, é bastante raro vermos alguém usando um iPod, mesmo os de nova geração, já que nossos smartphones atuam como um player de música, além de entregar diversas possibilidades.

Mas há quem ainda goste do “retrô” e aposte nesse pequeno gadget da Apple, que ainda é bastante usável hoje em dia. De qualquer forma, é interessante darmos um certo “tributo” a esse dispositivo que marcou uma época, além de lembrarmos de um momento em que as coisas não eram tão simples. Parabéns iPod!

Via
Neowin

Você vai gostar

Deixe uma resposta

Fechar
Fechar