Qual é sua chance de recuperar um smartphone perdido?

A Symantec desenvolveu um projeto chamado Honey Stick. O projeto avalia os países para indicar a chance de devolução de celulares perdidos e, como já era de se esperar, o Brasil não foi um dos melhores colocados obtendo apenas 27% de chance do aparelho ser devolvido.

Entre outubro e novembro de 2013 a empresa espalhou propositalmente 30 smartphones com um software modificado para que os pesquisadores pudessem monitorar o que as pessoas fazem com os aparelhos perdidos. Os smartphones foram distribuídos em áreas de grande tráfego nas cidades de Brasília, São Paulo e Rio de Janeiro. O resultado indica que até mesmo os aparelhos devolvidos tiveram seus dados bisbilhotados.

projeto-honey-stick-symantec-brasil-600x470

Segundo a pesquisa, 70% das pessoas que encontraram um dos smartphones tentaram visualizar as fotos particulares armazenadas no aparelho, 47% tentaram acessar as redes sociais do usuário e 47% acessaram um arquivo chamado “Senhas”. Outros tipos de informações que chamaram bastante a atenção dos “sortudos” foram algumas informações bancárias (40%), planilha de salários (37%), e-mail corporativo (30%) e alguns arquivos em PDF sobre recursos humanos (27%).

O tempo médio de intervalo entre o ato de encontrar o aparelho e o bisbilhotamento foi de 3 horas, porém, cerca de 50% dos usuários não aguentaram a curiosidade por mais de uma hora.

O que você pode fazer?

Existem diversos aplicativos que permitem localizar o aparelho, limpar seus dados e bloquear o acesso ao aparelho. Estes apps estão disponíveis para todas as plataformas. No iOS é possível utilizar gratuitamente o Find my iPhone (Encontre meu iPhone), no Android existe o Android Device Manager (Gerenciador de Dispositivos Android), por exemplo. Outra opção é ativar o uso de uma senha na tela de bloqueio dos aparelhos.

E você, se encontrasse um aparelho iria devolvê-lo sem olhar nada?

Via: Tecnoblog

Você vai gostar

3 Comments

  1. Prezadíssimo Thalisson,
    Estou recém aprendendo a mexer no meu Moto G e acho que seria importante o seu excelente site publicar constantemente matérias sobre celular(smartphone) e segurança. Eu já vi que no próprio Android e em programas como o Avast existem meios de se “bloquear” o celular. Mas até que ponto eles são realmente eficientes ?
    O GPS do Google Maps por exemplo, já vi que em alguns casos é extremamente preciso, em outros nem tanto.
    Poderia publicar mais matérias e dicas a respeito ?
    Obrigado.

Deixe uma resposta

Close
Close