Sem dúvida alguma quebrar a tela do smartphone é uma das maiores preocupações dos usuários. A maioria acaba se submetendo ao uso de capas e películas protetoras com o intuito de proteger os seus tão preciosos celulares, ou ao menos diminuir o risco de algum estrago pior.

A tela é um dos componentes mais caros de um smartphone, muitas vezes até nem compensa trocá-la devido ao seu valor na assistência oficial do fabricante ser muito próximo ao de um aparelho igual completo e novo.

Selecionamos alguns aparelhos que são vendidos atualmente no Brasil e fizemos uma comparação de seus valores no Brasil (mercado livre) e nos EUA, confira.

Modelo

Preço EUA

Preço Brasil (ML)

Sams. Galaxy S7 edge

US$ 260 (R$ 870) R$ 1.399 – 1.599

Samsung Galaxy S7

US$ 162 (R$ 525) R$ 1.099

LG G5

US$ 70–100 (R$ 225–324) R$ 599
Apple iPhone 6s US$ 129 (R$ 418)

R$ 649

Apple iPhone 6s Plus US$ 149 (R$ 482)

R$ 899

Apple iPhone SE US$ 129 (R$ 418)

R$ 499

A diferença entre os custos é enorme, muitas vezes custando o dobro do preço, e com valores superiores aos de ótimos smartphones intermediários (como é o caso do S7 edge). Outro ponto que deve ser considerado é que o preço dos EUA já inclui o trabalho técnico feito pela própria fabricante, restabelecendo a garantia e proteções IP (no caso do S7 e S7 edge), enquanto o valor no Brasil se refere apenas a peça, sem mão de obra e frete inclusos.

Mesmo a Apple possuindo os maiores valores praticados em smartphones no país, os preços de suas telas não espantaram tanto, chegando a custar praticamente a metade dos praticados nos Galaxys.

Outro aparelho que também merece destaque é o LG G5, que foi lançado no Brasil em uma versão “capada” e com preço altíssimo. A substituição da tela do smartphone da LG ficou com o preço mais baixo entre os comparados, tanto no Brasil quanto nos EUA.

E você? Quais medidas toma para proteger o seu tão precioso smartphone?

 

Deixe uma resposta