Um dos grandes destaques do iPhone 7 Plus é, sem dúvida alguma, a sua câmera traseira (ou o seu conjunto de câmeras) que apresentou uma boa evolução em relação ao modelo anterior, além de trazer duas lentes.

Em termos técnicos, as duas lentes traseiras trazem 12MP de resolução sendo que a “lente tele” traz um sensor de 1/3.6, comprimento focal de 56mm e abertura de f/1.8, já a lente principal possui 28mm com abertura de f/2.8.

Uma característica bem interessante presente no segundo sensor é a sua capacidade de zoom óptico em 2x que pode ser usado sem que se perca qualidade no resultado final da imagem ou do vídeo, já o zoom digital pode chegar a 10x no modo foto e 6x no modo vídeo.

Outro ponto importante é que, diferente de outros modelos com câmera dupla (como o LG G5), os sensores do iPhone 7 Plus não conseguem trabalhar independentes, sendo necessário que um complemente o outro, onde o uso das duas lentes se equilibram.

Para ter uma boa noção do que as lentes do iPhone 7 Plus são capazes de oferecer, vejamos algumas fotos capturadas pelo aparelho em diversas condições de luz.

BOA ILUMINAÇÃO

Como ocorre na maioria dos smartphones, o resultado final é satisfatório e as imagens apresentam uma ótima qualidade mesmo com o uso do zoom óptico.

ILUNAÇÃO RUIM

As lentes conseguem capturar bastante detalhes mesmo com pouca iluminação, mas, diferente do Galaxy S7, em ambientes muitos escuros o nível de detalhes cai drasticamente e a quantidade de ruídos aumenta muito.

AMBIENTE INTERNO

À primeira vista as fotos apresentam bastante qualidade, porém ao deixa-las com o tamanho original (100%) percebemos a quantidade enorme de ruídos e borrões. O mesmo acontece quando o zoom óptico é aplicado.

PÔR DO SOL

A situação aqui piora. Excesso de ruídos, cores ruins, partes da imagem até parecem pinturas e o nível de detalhes é extremamente baixo.

HDR

A situação aqui ficou bem estranha. As fotos com HDR saíram mais escuras e com menos brilho que as fotos sem o recurso ativado, além de apresentarem bem menos qualidade nos detalhes.

MACRO

Esse é um ponto que as lentes mandam bem. O macro é potente e destaca bem o objeto fixado. Porém a qualidade da imagem fica a desejar quando é vista em tamanho original em 100%.

MACRO NOTURNO

Obtém resultados semelhantes ao macro diurno, porém com a qualidade um pouco inferior.

Confiram os resultados gerais abaixo

VÍDEOS

FullHD 1080p 30fps

FullHD 1080p 60fps

4K 30fps

FOTOS DIVERSAS

Não há como negar que a nova geração de iPhones trouxeram uma evolução se comparadas à geração antiga. Porém, se comparamos os resultados com os oferecidos por modelos como o Galaxy S7 ou até mesmo o LG G5, vemos que a qualidade final ainda está abaixo dos concorrentes no quesito câmera.

A pergunta que fica é: Será que realmente vale a pena pagar tão caro nos novos iPhones?

 

Deixe uma resposta