Não há dúvidas alguma que a Xiaomi conquistou muita gente com o seu recém-lançado Mi Mix. O aparelho é simplesmente incrível, aliando beleza, visual diferente e poder de fogo.

O que mais chama atenção no smartphone é a sua tela quase sem bordas, chegando a incríveis 90% de aproveitamento da área frontal do telefone, sendo uma bela peça visualmente falando.

Outro ponto que atrai no aparelho é o seu poder de fogo, suas especificações técnicas não deixam a desejar para nenhum flagship do mercado atual. Sua tela possui 6,4 polegadas com resolução 2040x1080p, processador Snapdragon 821de quatro núcleos a 2,45GHz, GPU Adreno 530, 4GB ou 6GB de memória RAM, 128GB ou 256GB de armazenamento interno, câmera traseira de 16 megapixels, câmera frontal de 5 megapixels, USB Type-C, bateria de 4.400 mAh e Android 6.0.1 modificado pela MIUI 8.

Porém, como nem tudo são flores, há um fator importante no aparelho que pode espantar seus possíveis compradores: a fragilidade de sua tela. O Mi Mix possui uma tela Sharp Aquos Crystal, porém não possui proteção Gorilla Glass ou qualquer outro tipo de tecnologia contra impactos ou arranhões, tornando o smartphone extremamente frágil onde qualquer pancadinha pode resultar em um acidente feio.

A experiência foi obtida pela equipe do Phone Radar, onde estavam realizando a análise do Mi Mix quando o smartphone levou um pequeno tombo de uma altura inferior a 30 centímetros. E o que houve após a pequena queda? Uma rachadura enorme na parte superior do aparelho, além de uma quina estilhaçada. Confira:

A indagação que fica é: Será que vale a pena pagar caro (o Mi Mix é um dos aparelhos mais caros já feito pela Xiaomi) em um smartphone tão frágil assim? Será que a Xiaomi não poderia ter reforçado a resistência de sua tela sabendo da enorme fragilidade?

Bom, não há como negar que o Mi Mix é incrível, poderoso e muito bonito, mas essa fragilidade enorme com certeza não será vista com bons olhos pelos consumidores.

COMPARTILHE

Deixe uma resposta