O Xperia E1 Dual chegou ao mercado nacional com preço sugerido de R$549, mas devido a forte concorrência, ele foi reposicionado e agora compete em uma faixa menor preço. Além disso, hoje ele está com um grande desconto, fazendo dele um bom custo-benefício para quem procura um aparelho bem baratinho.

O Sony Xperia E1 vem equipado com processador dual core de 1.2 GHz, 512 MB de memória RAM, GPU Adreno 302 e 4 GB de memória interna (expansível até 32 GB via microSD). A tela do smartphone tem 4 polegadas com resolução de 480 x 800 pixels e ele tem câmera simples de 3.2 megapixels. O sistema operacional é o Android 4.3 Jelly Bean, mas já com atualização disponível para Android 4.4. O sistema de áudio potente é uma das apostas da Sony para esse modelo, com alto-falante chegando até 100 decibéis. Já sua bateria tem 1700 mAh.

PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS:

  • PROCESSADOR: Qualcomm Snapdragon dual-core 1.2 GHz;
  • GPU: Adreno 302;
  • MEMÓRIA RAM: 512 MB;
  • MEMÓRIA DE ARMAZENAMENTO: 4 GB (expansível via cartão microSd até 32 GB);
  • TELA: 4″  (480 × 800 pixels);
  • CÂMERA: 3.2 MP;
  • SISTEMA OPERACIONAL: Android 4.3 Jelly Bean (update disponível para 4.4 KitKat);
  • BATERIA: 1.700 mAh.

O Xperia E1 Dual está com preço promocional só hoje saindo por apenas R$279, sendo um bom aparelho de baixíssimo custo:

COMPARTILHE
Ex-estudante de Educação Física. Abandonei a carreira de professor de Educação Física para entrar de vez no mundo dos Gadgets com o Tudo em Tecnologia. Seja bem-vindo ao Tt!

7 COMENTÁRIOS

    • Não tive surpresa por ser reembalado, mas me decepcionei demais com a porcaria da TV digital dele. O som é muito mais adiantado que a imagem em qualquer canal e também demora demais pra passar de canal.

      Eu estava acostumado com telas boas Super AMOLED e IPS, mas essa TFT é péssima. Pouca luz de fundo, pouco contraste e pouca cor em vídeos.

      O som não tem nada de especial como a propaganda fala. Achei até baixo demais, ao invés de alto.

      Os botões na tela acabam deixando um aspecto de tela bem pequena.

      Ainda usei ele mt pouco e depois terei mais avaliações pra fazer. Com exceção da TV bugada, o resto do cel está dentro do que pode se esperar por um celular de 350 reais (paguei 307 reais) com 512 mb de RAM.

  1. Eu tenho a versão single chip e honestamente odiei esse aparelho. Toda vez que desligo e ligo, ele apresenta uma telinha de “Otimizando apps”, quanto mais apps você tiver, mais vai demorar nesse processo. Geralmente utilizo apenas whatsapp e navegador simultaneamente e ainda assim tem momentos que apresenta gargalos pesados, outrora ele trava e do nada reinicia, como se faltasse memória. O som sem fone é super básico e com fone é a mesma coisa de demais aparelhos. Pra aqueles que citam sony xperia como sinonimo de poder de áudio, esse não entra no meio. Pra quem ta procurando um celular basico e melhor que esses galaxy young da vida, até vai, mas logo logo você vai querer revender.

    • Ainda bem que o meu nunca apareceu essa tela de “Otimizando apps” e nem fica travando direto como um monte de gente diz pela internet. Nunca reiniciou sozinho.

      O seu tem 4 gb ou 2 gb de ROM?

  2. Depois de mais ou menos três semanas de uso, já posso fazer minhas considerações finais:

    1- A TV realmente é um lixo de imagem e sinal. A sincronização é a pior que já vi na vida. É disparada a pior parte do celular.

    2- Exagerei quando falei do som baixo. Ele até que é alto só não como celulares chineses. A qualidade é boa no alto falante pra som externo, no de conversa e no fone. Som é uma parte que não tenho o que reclamar demais neste celular.

    3- A tela TFT de 480 x 800 pixels é muito pior que uma Super AMOLED ou IPS. Tem pouca iluminação, mas é melhor que um Galaxy de baixo custo, como Young. Era uma tela que eu esperava pelo preço do celular, só que eu não estava acostumado.

    4- Conexão wifi achei fraca. Na minha casa fica caindo direto o sinal.

    5- Câmera melhor do que eu esperava. Um flash forte ajudaria muito.

    6- Sistema também melhor do que eu esperava. Algumas vezes que eu chegava a abrir um site pesado, o sistema inteiro ficava lento, mesmo com o navegador já fechado. Não adianta esperar que o celular melhore, tem que reiniciar mesmo. Mas ele não é um celular muito lento por natureza. De tanto mexer nele, liberar espaço, etc. acabei com as raras travadas. Instalei alguns programas pra ajudar no desempenho e estou conseguindo me virar com 512 mb de RAM.

    7- Não sei porque em todo lugar diz que o cel tem 4 gb de memória interna e o meu só tem míseros 1,99 gb. Fica difícil usar o celular pra baixar programas. Tem que escolher só alguns pra usar.

    8- O celular parece que não aceita transferir app pra o cartão, porém essa função fica liberada depois que “rootea”. O problema é que a maioria dos programas que têm a função de transferir app pra o cartão, dizem que o cel não aceita ou não existem app disponíveis para transferir. São poucos programas que conseguem achar app pra transferir. Mesmo assim, nenhum deles conseguem selecionar vários e transferir tudo em um clique. Vc precisa mover um por um. Além disso, nem todos app suportam isso.

    Mesmo que vc passe tudo pra o cartão, essa merda de memória de 2 gb não deixa vc instalar quase nada, pois primeiro precisa do tamanho total do app livre na memória pra instalar e segundo que a memória interna já é quase toda usada de fábrica.

    Conclusão: vale a pena se for por 307 reais. Mais que isso não vale.

    Eu quero entender porque meu celular veio com 2 gb de ROM ao invés de 4 gb ¬¬

Deixe uma resposta