iPhone 8 e 8 Plus estão decepcionando em vendas e um motivo é a falta de inovação

O iPhone 7 foi lançado no ano passado, e sem dúvida, ainda é um aparelho top de linha. No entanto, ao contrário do que sempre vimos em um novo lançamento da Apple, esse ano, os consumidores não estão “deliberando” no novo iPhone 8 que chegou ao mercado em agosto.

Segundo os analistas da “KeyBanc Capital Markets”, as vendas do iPhone 7 ainda são maiores que as do iPhone 8.

O relatório aponta que o motivo para isso é que, boa parte dos entrevistados preferem o sétimo modelo por não verem melhorias significativas no novo smartphone da Apple.

iPhone 7
Reprodução: O2 UK

Essa afirmação por parte dos entrevistados é vista também por muitas outras pessoas, já que, em relação ao antecessor, o iPhone 8 apresenta poucas novidades – apenas o suporte a carregamento sem fio e melhorias no “modo retrato”. Claro, temos o chip A11 Bionic, que se analisarmos bem, foi a “única” mudança notável.

Fora isso, tanto o design como as demais características são semelhantes ao iPhone 7 e 7 Plus. Dessa forma, é compreensível o motivo de muitos não estarem “apaixonados” no novo iPhone.

Na verdade, a baixa nas vendas já havia sido previstas pelos analistas, que culpam o iPhone X, afirmando que os clientes estão esperando a chegada do modelo invés de comprar o iPhone 8.

Nos Estados Unidos, o iPhone 8 é vendido por US$ 699, já o iPhone 7 sai por US$ 549, outra razão para optar no modelo anterior.

 

Via
InfoMoney

Você vai gostar

Um Comentário

  1. Pra mim as únicas evoluções significativas do Iphone 8 foram a do SoC A11 e a da câmera. As duas, porém podem passar despercebidas pra quem é mais leigo no assunto, então muitas vezes o consumidor não vê (talvez com razão) motivo pra troca. A Apple podia ter inovado com coisas muito mais tangíveis como bateria ou até mesmo redução de bordas, mas aumentou o preço sem oferecer nada que o justifique.

Deixe uma resposta

Fechar
Fechar