A chinesa Xiaomi anunciou que vai expandir sua empresa em 10 novos países, e um deles seria o Brasil, para facilitar que isso aconteça eles contam com a ajuda do seu vice-presidente o brasileiro Hugo Barra, que trabalhou para o Android durante quase três anos, e há algumas semanas esteve no Brasil para conversar sobre a expansão da fabricante no território brasileiro.

Hoje em um encontro na capital chinesa o fundador e CEO, Lei Jun, revelou que ainda este ano pretende iniciar a expansão de sua empresa nos seguintes países Brasil, Rússia, México, Índia, Tailândia, Turquia, Vietnã, Malásia, Filipinas e Indonésia. Além da China os smartphones da Xiaomi também são vendidos em Singapura.

A Xiaomi está fazendo muito sucesso na China graças aos seus smartphones de hardware potente, porém com preço acessível algo que pode fazer muito sucesso no Brasil, que recentemente viu o sucesso do Moto G, o destaque da chinesa é o Mi 3 que custa 1.999 yuans chineses, aproximadamente 715 reais, valor bem abaixo dos tops de linha aqui, o smartphone chinês conta com um processador Snapdragon 800 quad-core de 2.3 GHz, 2GB de memória RAM, tela IPS de 5 polegadas e bateria de 3.050 mAh.

Essa semana também eles mudaram o endereço do site oficial de xiaomi.com para mi.com, para fortalecer a marca em países que não falam inglês, a meta da empresa é vender o triplo de smartponhes esse ano em relação ao ano passado e tem tudo para dar certo no mercado brasileiro.

Fonte

 

COMPARTILHE
Estudante de Engenharia da Computação (10º Semestre), 22 anos e colaborador do site Tudo em Tecnologia.

4 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here