Xiaomi lançará chip que também e cartão MicroSD

Sabe-se que atualmente muitos telefones não tem mais a entrada para Micro SD. Alguns fabricantes conseguem até encaixar slots híbridos, ou até mesmo entrada para 2 chips mais o cartão de memória, mas isso não acontece com a maioria dos aparelhos.

Algumas empresas dizem que o espaço aonde ficaria a entrada pode ser ocupada por “algum componente mais importante”. Porém a Xiaomi pode ter uma solução pra isso.

Todo o smartphone necessita de uma entrada para cartão SIM, o bom e velho chip de operadora, então porque não inventar um cartão SIM que também seja MicroSD, para que não se precise de outro slot em seu aparelho.

Uma patente descoberta por IT Home mostra que a Xiaomi está trabalhando de fato nesse produto. O cartão seria um híbrido, e de um lado teria a tecnologia SIM, e de outro a tecnologia para o armazenamento extra. Mas isso requere, obviamente, uma bandeja de chip que leia ambos de uma vez.

Infelizmente, o design da patente sugere que a Xiaomi está trabalhando numa tecnologia proprietária. Ou seja, só será possível utilizar com telefones da própria empresa, e o cartão SD comercializado também seria da mesma.

É de fato uma ideia brilhante, mas que pode estar vindo um pouco atrasada, já que o eSIM (chip eletrônico) está se popularizando, e é provável que em breve a gaveta para chip físico seja extinta.

Porém, para quem curte os produtos da Xiaomi e pretende manter o ecossistema da empresa, e de quebra ainda expandir ainda mais o armazenamento de seu celular, a alternativa seria bem plausível.

Mas e vocês leitores, o que acharam da ideia? Veio tarde demais ou ainda é válida?

Deixe uma resposta