Após uma empresa de segurança do Vietnã realizar um teste comprovando que o Face ID não é tão seguro, mais uma polêmica envolvendo a tecnologia de reconhecimento facial 3D da Apple foi noticiada. Uma mãe descobriu que seu iPhone X poderia ser desbloqueado utilizando o rosto do seu filho de apenas 10 anos.

Em um vídeo publicado no Youtube, a mulher mostra que o rosto cadastrado é o seu, feito isso, ela entrega o aparelho para seu filho que também consegue desbloquear o smartphone sem problemas. Isso nos mostra que, apesar da Apple garantir que seu sistema é bastante seguro, alguém parecido com você pode ter acesso a seu iPhone X sem que você saiba.

Testes realizados recentemente, também mostraram que a tecnologia não foi capaz de diferenciar irmãos gêmeos, o que ainda é “aceitável”, já que os dois possuem feições muito parecidas.

Mas não conseguir diferenciar a mãe do seu filho é algo bastante intrigante, mostrando que o Face ID pode não ser tão seguro quanto o “antigo” Touch ID.

1 COMMENT

  1. Isso só demonstra a ganância da empresa em apenas lançar o produto para obter lucro, sem realizar os testes de stress direito, similar ao ocorrido com o Note 7 da Semsunga…se qq um dos dois fosse um aparelho básico ou intermediário não seria correto do mesmo jeito mas menos mal para o preço pago, agora tops de linha na minha concepção imperdoável!

Deixe uma resposta