Sabemos que o Galaxy S8 e Note 8 foram duramente criticados pelo posicionamento do leitor biométrico na traseira, embora esse erro tenha sido corrigido no Galaxy S9 e S9+ deste ano, introduzindo câmeras posicionadas verticalmente com o leitor ficando logo abaixo. No entanto, renderizações do Galaxy Note 9 revelaram que o smartphone deve chegar com poucas mudanças no design, principalmente na traseira, com as câmeras posicionadas horizontalmente, assim como vimos em seu antecessor. Porém, existe um motivo para isso.

No Galaxy Note 8, a Samsung inseriu uma bateria de 3.300 mAh, que não agradou muitos usuários. Sendo assim, parece que a fabricante sul-coreana ouviu seus clientes e pretende aumentar a capacidade da bateria em seu próximo flagship, com informações recentes apontando para 3.850 mAh ou 4.000 mAh. Mas para isso, a Samsung precisaria do máximo de espaço possível dentro do dispositivo, portanto, a empresa deverá sacrificar o design e manter a configuração de câmera dupla na horizontal em prol de uma bateria maior.

VEJA TAMBÉM

A Samsung certamente está ciente das desvantagens do posicionamento horizontal, mas visando agradar seus fãs, o Galaxy Note 9 deverá chegar com leitor biométrico abaixo das câmeras, assim como vemos no S9 e S9+. Considerando a altura do aparelho, os sensores na horizontal parecem grandes demais para alguns usuários, no entanto, se a nova posição for mantida visando entregar mais bateria, essa permanência no design será bem vinda.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here